publicidade
Sexta, 02 de Junho de 2017 - 17h47
Perto da colheita, 2ª safra de milho apresenta bom potencial de produtividade em MS

Dourados News
Ilustração

A poucos dias do início da colheita, ainda neste mês, o desenvolvimento das lavouras de milho 2ª safra 2016/2017 continua a apresentar bom potencial de produtividade no Estado, segundo a Circular Técnica nº 211, do Siga MS (Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio).

O levantamento divulgado nesta sexta-feira (02) pela Aprosoja/MS (Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul), que mantém o projeto Siga MS, se refere a visitas técnicas realizadas até a 4ª semana de maio pelos técnicos do projeto em propriedades rurais de todo o Estado.

Região Norte

Municípios: Alcinópolis, Chapadão do Sul, Costa Rica, Coxim, Paraíso das Águas, Pedro Gomes e Sonora.
Precipitação: precipitação média acumulada de 200 mm no município de Paraíso das Águas, valor referente do dia 20/05 a 26/05.
Situação geral das lavouras: satisfatória para o desenvolvimento da cultura. Não há incidência significativa de plantas daninhas, pragas e doenças nas propriedades. Preocupação por apresentar falta de luminosidade para a cultura predispondo a susceptibilidade da cultura a doenças.
Região Centro- Norte

Municípios: Bandeirantes, Jaraguari, São Gabriel do Oeste.

Precipitação: precipitação média acumulada de 35 mm no município de Bandeirantes, valor referente do dia 20/05 a 26/05.

Situação geral das lavouras: boas condições climáticas. As lavouras encontram-se com bom potencial de produtividade. Pragas, doenças e plantas daninhas encontram-se controladas.

Região Centro

Municípios: Campo Grande, Nova Alvorada do Sul, Rio Brilhante, Sidrolândia e Terenos.

Precipitação: precipitação média acumulada de 20 mm no município de Rio Brilhante, 120 mm em Sidrolândia, valor referente do dia 20/05 a 26/05.

Situação geral das lavouras: boas condições climáticas, as lavouras encontram-se com bom potencial de produtividade. Pragas, doenças e plantas daninhas encontram-se controladas.

Região Sudoeste

Municípios: Bonito, Itaporã, Bela Vista, Jardim e Guia Lopes da Laguna.

Precipitação: precipitação média acumulada de 131 mm no município de Bonito, 20 mm em Bela Vista e 250mm em Jardim, valor referente do dia 20/05 a 26/05.

Situação geral das lavouras: volume de chuvas elevado na região, deixando susceptível para que o ocorra doença nas lavouras. Porém, tem sido feito o controle.
Região Sudeste

Municípios: Batayporã, Eldorado, Itaquiraí, Mundo Novo, Nova Andradina e Naviraí.

Precipitação: precipitação média acumulada de 225 mm no município de Nova Andradina, 100mm em Eldorado e 120mm em Naviraí, valor referente do dia 20/05 a 26/05.

Situação geral das lavouras: volume de chuvas elevado na região, deixando lavouras susceptíveis para que haja ocorrência de doença nas lavouras. Porém, tem sido feito controle. Incidência moderada de doenças foliares.

Região Sul

Municípios: Caarapó, Douradina, Fátima do Sul, Juti e Vicentina.

Precipitação: precipitação média acumulada de 10 mm no município de Fátima do Sul, pancadas isoladas nos municípios de Caarapó e Douradina, valor referente do dia 20/05 a 26/05.

Situação geral das lavouras: as lavouras encontram-se em boas condições, as chuvas até o momento estão satisfatórias para o desenvolvimento da cultura. Não há incidência significativa de plantas daninhas, pragas e doenças nas propriedades.

Região Sul-Fronteira

Municípios: Amambai, Coronel Sapucaia, Ponta Porã, Sete Quedas e Tacuru.

Precipitação: precipitação média acumulada entre 25 mm no município Amambai, 60 mm em Sete Quedas, valor referente do dia 20/05 a 26/05.

Situação geral das lavouras: as lavouras encontram-se em boas condições, com as pragas e plantas daninhas controladas. Chuvas até o momento estão satisfatórias para o desenvolvimento da cultura.

Estimativa de produção

Para o milho 2ª safra 2016/2017, a estimativa da Aprosoja/MS é que o Estado tenha área plantada de 1,800 milhão de hectares, sendo a projeção de volume de produção de 9,180 milhões de toneladas. Com isso, espera-se alcançar produtividade média de 85 sc/ha.

O número estimado de produtividade é 45,5% superior ao efetivamente alcançado na 2ª safra do ano passado, quando houve quebra na produção de milho devido a questões climáticas. Em 2016, a produtividade média do Estado foi de 58,4 sc/ha.

Deixe seu Comentário
publicidade
publicidade
Desenvolvido por: Ribero Design