publicidade
Quinta, 19 de Janeiro de 2017 - 19h45
Mulher supera amputação fotografando o próprio pé em várias situações

UOL
Reprodução/Instagram/onefootwander
Fotos viralisaram na internet.

Forçada a amputar sua perna direita abaixo do joelho -- após um diagnóstico de câncer -- uma americana de 25 anos decidiu fazer graça com a situação e levar o esqueleto de seu pé amputado para várias aventuras, a ponto dele ter a própria conta Instagram. Kristi Loyall, de El Reno, Oklahoma (EUA), foi diagnosticada com sarcoma epitelióide, uma forma rara de câncer, em abril de 2016, após quatro anos de sintomas que desconcertaram os médicos.

Ela decidiu, então, compartilhar sua recuperação com seus seguidores. "Minha primeira ideia foi transformar tudo em piada", contou ao Daily Mail. Após a cirurgia para remover seu membro, Kristi enviou os ossos para uma empresa chamada Skulls Unlimited, onde eles foram clareados, presos juntos e desengordurados.

Atualmente em remissão, ela não trabalha por conta de sua deficiência. Sua esperança é que, ao compartilhar as imagens bizarras, possa levantar fundos para ajudar a pagar os gastos relativos a sua reabilitação. Na conta de Instagram One foot wander (algo como "Um pé que vagueia") ela fotografa seu membro em uma variedade de cenas: seja "relaxando" uma praia pitoresca ou em casa, sob o edredom.

A doença de Kristi levou quase quatro anos para ser diagnosticada. O primeiro sintoma foi dormência no dedinho do pé em 2011. Quando a falta de sensibilidade se espalhou para o restante do membro e também causou dor, ela visitou muitos especialistas, incluindo médicos, como neurologistas, e também podólogos.

Apesar de inicialmente ser descartada como um linfoma, a cirurgia revelou que a massa era de fato um câncer raro e agressivo, o sarcoma epiteliódio, e ela foi forçada a sofrer uma amputação em 22 de abril de 2016 para garantir que a doença não iria progredir.

Deixe seu Comentário
publicidade
publicidade
Desenvolvido por: Ribero Design